Posts Tagged ‘Bolsas’

Praça São Sebastião: Bolsas, sacolas e fuxicos

30/08/2010

Maria do Carmo, conhecida por Cacau, aprendeu o artesanato em 2005. Por motivos de saúde, precisou se afastar do trabalho e encontrou no artesanato uma fonte de prazer e inspiração.

Atualmente Cacau produz camisetas customizadas com tecidos e pintura, além de peças enfeitadas com fuxicos em geral, como tiaras, chaveiros e broches e também bolsas em tecidos, construídas a partir de retalhos. Mesclar técnicas diferentes é uma marca de seus trabalhos.

Anúncios

Bolsas e confecções: Dona Marly apresenta seus trabalhos na Praça São Sebastião

23/08/2010

Dona Marly, após se aposentar, resolveu não ficar parada. Começou a se dedicar ao artesanato. Aprendeu tudo sozinha, e hoje freqüenta algumas aulas para aprimorar suas técnicas e aprender novas. Faz de tudo um pouco. Tricô, crochê, gorros, golas, cachecóis, trabalhos com feltro, patchwork e patchcolagem. Além disso, trabalha com confecção, criando blusas, saias,  vestidos e bolsas.

Dona Marly apresenta suas peças durante a 6ª Estação das Artes, na feira de Artes e Artesanato da Praça São Sebastião, em Sousas.

Ana Lúcia Jacó leva à Vila das Artes trabalhos em Patchwork e fuxicos

21/08/2010

Ana Lúcia Jacó é especialista em patchwork. Sua paixão pelos trabalhos manuais talvez venha de sua infância. “Sempre estive no meio de linhas e agulhas”, diz, referindo-se às avós que eram costureiras.

Trabalhar com tecidos virou profissão e hoje ela cria as mais diferentes peças: bolsas, almofadas, colchas, brincos, colares, lixinhos para carros e escritório e uma série de objetos diferentes.

O fuxico tem grande presença em suas peças e, mesclando-o com o patchwork, Ana dá vida a suas peças.

Há 14 anos, depois de passar por técnicas como crochê, tricô e vários outros, Ana escolheu o patchwork e atualmente inclusive ministra aulas para interessados.

Expositora fixa da feira Vila das Artes, Ana fará parte dos artistas da 6ª Estação das Artes.

Salmar Sustentável na Vila das Artes

27/04/2010

Criada por Raquel Salmar, a Salmar Sustentável vem conquistando a cada dia mais fãs.

Preocupada com as questões ambientais, Raquel se baseia nos conceitos de reciclagem e sustentabilidade para criar bolsas a partir da reutilização de lonas de caminhão.

Em processo 100% artesanal, as bolsas são peças exclusivas, arrojadas, modernas e elegantes.

A designer de bolsas iniciou seu trabalho há 3 anos. Atualmente, expõe na Vila das Artes e em outras feiras e lojas de São Paulo. Podas urbanas, bronze, borracha, madeira… Tudo pode servir de ponto de partida para dar um toque diferenciado aos produtos, inclusive bijouterias.

Zezé: patchwork na Vila das Artes

25/04/2010

Com mais de 40 anos de experiência em artesanato, Zezé, que é expositora fixa da feira Vila das Artes, apresenta na feira toda sua técnica no patchwork.

São colchas, bolsas, bonecos, entre muitas outras peças variadas.

Zezé dá aulas em sua casa para pessoas interessadas em aprender o patchwork, mas, para conhecê-la, basta visitar a Vila das Artes no próximo domingo, 02 de maio.