Posts Tagged ‘Pedras pintadas’

Pedras Pintadas: o curioso trabalho de Maurício estará na Vila das Artes

02/09/2010

Maurício é um artista de múltiplas facetas. Pinta quadros, faz esculturas, é músico e faz pinturas em pedras. Já foi professor de guitarra e violão, gravou um CD que será lançando em breve, com músicas instrumentais de jazz, blues e bossa nova.

Expositor fixo da feira Vila das Artes, Mauricio é famoso por suas pedras pintadas –  de casarios coloniais até insetos e caricaturas.

O artista começou o trabalho desde jovem, mas há 8 anos a atividade ficou “séria”, com o início da comercialização dos produtos. Maurício costuma levar seu trabalho a cidades turísticas, como Poços de Caldas, Monte Verde, Holambra, Águas de São Pedro e, no próximo dia 19 de setembro, na Vila das Artes, em Sousas. Suas pedras já chegaram Europa, Japão e América do Norte.

Zearomm, como Maurício é conhecido, tem influência de artistas surrealistas e hiperrealistas mas sempre procura ser original e não fazer cópias. Faz caricaturas de pessoas famosas e até mesmo sob encomenda.

Para entrar em contato com Maurício ligue para 11- 4014-7665.

Anúncios

Conheça a arte das pedras pintadas

26/04/2010

Transformar pedras em pequenas obras de arte é uma das funções de Maurício, o Zearomm.

Com uma apurada técnica de pintura,o artista faz caricaturas, insetos e paisagens em pedras, um trabalho que já foi apresentado em diversas cidades do estado e até Europa e Japão.

Maurício, morador da cidade de Morungaba, é músico, faz esculturas e trabalha com pintura também.

Para conhecer o trabalho do artista, visite a Vila das Artes na próxima Estação das Artes, dia 02 de maio.

Pedras Pintadas

08/11/2009

Zearomm, como é conhecido por muitos, Maurício tem um vasto currículo. Além de pintar caricaturas, insetos e paisagens em pedras, o morador de Morungaba pinta quadros, cerâmicas, faz esculturas em ferro e é musico.

Há 06 anos dedica-se ao trabalho artístico em pedras, que já passaram por cidades como Holambra, Monte Verde, Poços de Caldas e chegaram até locais bem distantes, como Europa e Japão. Por mês, o artista produz mais de 200 peças exclusivas.

Quer conhecer o seu trabalho? O endereço é a Vila das Artes, em Sousas, na Praça Beira Rio.